segunda-feira, 24 de Fevereiro de 2014

Um peru

Hoje a pessoa está chateada como um peru.
Desanimada.
Filhinhos, é assim: acontece poucas vezes, que a pessoa tem a mania que isto é um permanente carrossel e faz por isso, mas também acontece. Ah, e tal, mas queixas-te de quê, não tens filhos com doenças crónicas ou terminais, tu também pareces estar com saudinha (a avaliar pelo lombo), a existência corre-te bem, e se fosses chatear o Camões?
E eu vou. Vou chateá-lo, para não vos aborrecer a vós, pessoas simpáticas.
O "meu" Pedro já cá esteve hoje, a sovar-me forte e feio e a libertar as endorfinas aprisionadas. Fiquei melhor mas ainda longe da minha costumeira boa disposição e estupidez natural. Amanhã ele volta, com os seus aparelhos de tortura, a ver se o ânimo aumenta (e o peso diminui - ah ah ah, que espirituosa).
Hoje a pessoa não está nos seus dias.
Recolhe-se, pois, para não vos contagiar com o azedume.
Pensavam que isto era sempre a sorrir e a acenar?
Pois que não é.
Não é.


14 comentários :

j. disse...

http://365grateful.com/ ;)

j. disse...

http://365grateful.com/ ;)

Cristiana disse...

As melhoras então... =)*

O Sexo e a Idade disse...

Caramba, haja alguém a dizer o que penso!
É exactamente assim que me sinto hoje e por isso nem uma letrinha escrevi…
Quando a neura passar logo me dedicarei à coisa!

Margarida disse...

É que não é mesmo e eu sei isso bem!!

Mags disse...

E o que acho graça a essa expressão: chateado que nem um perú. Muito gostava de saber de onde vem.
Já agora, as melhoras! Há-de passar.

Blonde Mary disse...

Estive o dia todo a sentir-me assim e a contar as horas para vir para casa refugiar-me. Já não basta ser segunda-feira como os ânimos terem estado em baixo:((

Blonde Mary disse...

Estive o dia todo a sentir-me assim e a contar as horas para vir para casa refugiar-me. Já não basta ser segunda-feira como os ânimos terem estado em baixo:((

Blonde Mary disse...

Estive o dia todo a sentir-me assim e a contar as horas para vir para casa refugiar-me. Já não basta ser segunda-feira como os ânimos terem estado em baixo:((

Pipoca Arrumadinha disse...

As melhoras!

loucuradodiadia.blogs.sapo.pt disse...

Há que pensar que o dia de amanhã será melhor! Ninguém disse que isto era fácil, se fosse não era para nós!!! :)

As minhas Ideias disse...

Também ando assim e o tempo não ajuda ...

Alexandra disse...

Olá Sónia,
Todos temos direito a dias de neura. O que vale é que em pessoas como a Sónia eles passam. Grave é quando, as pessoas sem se darem conta, se deixam arrastar para estados sombrios que parecem não ter fim o que felizmente não deve ser o caso. Como diz a Catarina a vida resolve-se por si. Ânimo e um abraço (para mim o aperto dum abraço conforta mais que um beijo) Alexandra

Carla Isabel disse...

Adorei!

Beijinho, pessoa!